Cinco motivos para beber água

18 de fevereiro de 2014 às 14:44h

imagesAjuda a emagrecer

De acordo com a nutricionista funcional Gabriela Maia, a água é essencial no processo de emagrecimento. “O consumo regular e diário ajuda na eliminação de toxinas através da urina e das fezes, permitindo que o organismo equilibre suas funções. Além disso, o organismo pode confundir fome com sede. Quando sentir aquela “ fominha” no meio da tarde, beba um copo de água antes de comer, assim você se sentirá saciada por mais tempo”, diz a nutricionista.

Mantém pele, unhas e cabelos bonitos

A médica ortomolecular Lila Valente, da Clínic Med, explica que todos os órgãos sofrem com a perda de líquido corporal. “A pele é o primeiro a sentir os efeitos da falta de água no organismo. Avaliando suas características podemos perceber se a pessoa bebe água regularmente, já que casos de desidratação leve já podem provocar a diminuição do tônus, textura e elasticidade da pele”, diz a médica.

Evita inchaço e retenção de líquidos

Se você costuma se sentir inchada, beber água deve ser um hábito comum como escovar os dentes: “Bebendo água ao longo do dia você evita que o organismo retenha o sódio, grande responsável pelo desconforto do inchaço”, explica Gabriela Maia.  Ela explica que beber os tais dois litros de água recomendados também ajuda a amenizar a celulite. Gabriela Maia também sugere as águas aromatizadas: “Antes de dormir, coloque rodelas de limão, laranja folhas de hortelã em uma jarra com dois litros de água, conservando-a na geladeira. No dia seguinte você terá uma bebida refrescante e livre de calorias”, recomenda a nutricionista.

Previne problemas nos rins

Quanto menos água uma pessoa bebe, maiores os riscos das substâncias formadoras dos cálculos renais se unirem, formando as chamadas pedras nos rins. Estudos indicam que quem já sofreu com o problema, mas aumentou a ingestão de água, é capaz de reduzir em 60% o desenvolvimento de novos cálculos nos rins. “A água também ajuda a hidratar as fezes e eliminar toxinas através da urina”, diz a nutricionista Gabriela Maia.