Habilitação de 40 leitos vai beneficiar pacientes do SUS em município de Pernambuco

31 de maio de 2019 às 12:32h

Hospital Memorial de Jaboatão de Guararapes também receberá reforço de R$ 2,8 milhões para ações e serviços de média e alta complexidade

A habilitação de 40 novos leitos para o Hospital Memorial possibilitará o aumento da capacidade assistencial da unidade hospitalar no atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) que vivem no município de Jaboatão dos Guararapes (PE). A habilitação da Unidade de Internação em Cuidados Prolongados (UCP) beneficiará os pacientes que precisam, por exemplo, de cuidados relativos a reabilitação e adaptação a sequelas  decorrentes de processo clínico, cirúrgico ou traumatológico.

Publicada pelo Ministério da Saúde na quinta-feira (23)-, a portaria 1.020/2019 permitirá ao hospital ampliar o atendimento à população localizada na área sul da região metropolitana de Recife, capital de Pernambuco. Além disso, com a portaria, a pasta também destinará mais de R$ 2,8 milhões para ajudar o município a custear o serviço. Incorporados ao Limite Financeiro de Média e Alta Complexidade (MAC) do estado de Pernambuco e do município de Jaboatão dos Guararapes, esses recursos federais poderão ser usados pelo gestor local, que tem autonomia para o planejamento de suas ações e serviços de saúde de média e alta complexidade.

Nos últimos três anos, o Hospital Memorial realizou cerca de 150 mil atendimentos ambulatoriais e 20 mil atendimentos hospitalares.  Atualmente, dispõe de 210 leitos utilizados para UTI, traumatologia, cirurgia geral e pacientes crônicos.

As unidades para Cuidados Prolongados (UCPs) fazem parte da estratégia do Ministério da Saúde para reforçar a Rede de Atenção às Urgências e Emergências (RUE) e as demais Redes Temáticas de Atenção à Saúde no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS).

Por Roberto Chamorro, da Agência Saúde

Atendimento à imprensa

(61) 3315-3580

Fonte: http://www.saude.gov.br/noticias/agencia-saude/45480-habilitacao-de-40-leitos-vai-beneficiar-pacientes-do-sus-em-municipio-de-pernambuco